Amplificador de guitarra para iniciantes – conhecendo o amplificador ideal pra você

83 / 100

Na hora de comprar um amplificador de guitarra, é importante sempre pedir orientação ao vendedor sobre qual é a sua finalidade, objetivo e expectativa. Além disso, é importante que você conheça como funciona e quais são os principais aspectos de um amplificador. Afinal, um vendedor em uma loja vai falar sobre todos eles e é melhor você saber sobre o que ele está falando, não é mesmo? Na postagem de hoje vamos falar sobre as principais partes de um amplificador, para que você conheça o produto que irá adquirir e sanar todas as dúvidas na hora da compra.

Conhecendo o amplificador de guitarra

Um amplificador de guitarra é um equipamento mecânico que amplifica o sinal elétrico captado e transmitido pela guitarra em tempo real. Basicamente isso acontece em três etapas: a pré-amplificação, que é a ampliação do sinal da guitarra até um volume em que ele possa ser manipulado e equalizado; a amplificação de potência, que ajusta o volume da guitarra; e finalmente a emissão do som por meio de um  alto-falante.

Alguns dos principais aspectos a serem levados em consideração na escolha de um amplificador são o número de canais, a potência, os alto-falantes o uso de válvulas e os efeitos embutidos.

Número de canais

Os amplificadores em geral possuem 1 ou 2 canais, sendo normalmente um canal “clean” e outro canal “drive” com overdrives e distorções. Os canais clean são utilizados para se obter sons cristalinos e limpos, comumente utilizados em guitarras de jazz, pop, funk e soul. Já o canal drive é tipicamente utilizado em sons distorcidos do rock, blues e heavy metal. Os canais de um amplificador possuem geralmente os controles de volume, ganho e equalização.

Veja na imagem a seguir os controles gain, tone e volume, bem como a chave de mudança entre os canais clean/od do amplificador BantamP Meteor.

joyo bantamp meteor 768x768 1

 

Clique na imagem para maiores detalhes

Potência
A potência do amplificador, medida em Watts (RMS ou PMPO), está diretamente relacionada à pressão sonora que o amplificador irá fornecer, ou seja, o seu volume em si. Desta forma, amplificadores de até 5 a 10 W são ideais para estudo e para tocar em casa; amplificadores 30 a 60 W são geralmente utilizados para ensaios com banda, gravações e apresentações, casas de show e igrejas, enquanto amplificadores de 100 W podem ser utilizados para se tocar em grandes estádios!

Alto-falantes
Os alto falantes são os dispositivos responsáveis para emitir o som amplificado para o ambiente. Seu tamanho afeta a qualidade sonora, sendo as dimensões mais comuns 8”, 10” e 12” (polegadas) para amplificadores de guitarra. Quanto maiores os alto-falantes, maiores as definições das frequências graves e o “peso” do som.
Alguns amplificadores possuem alto-falantes embutidos em sua estrutura, e estes são chamados de “combos”. Outros amplificadores, conhecidos como “cabeçotes” necessitam de ser ligados à gabinetes com alto-falantes externos.

Válvulas
Os amplificadores podem possuir válvulas em seu circuito de pré-amplificação e amplificação (amplificadores valvulados) ou serem transistorizados (amplificadores solid state). Há também amplificadores que possuem apenas um dos canais valvulado (geralmente o canal de drive) e o outro canal transistorizado. Estes são os amplificadores híbridos. Os amplificadores valvulados são porém possuem sonoridade mais dinâmica e rica em harmônicos, porém são geralmente mais caros e mais pesados. Vale ressaltar que, na prática, um amplificador valvulado de 20W (RMS) é capaz de emitir um volume MUITO mais alto do que um amplificador de 20W (PMPO) transistorizado.

Efeitos
Finalmente um aspecto a ser avaliado é a presença ou não de efeitos no amplificador. O mais comum é o efeito de reverb, mas alguns amplificadores possuem outros efeitos embutidos, como diferentes tipos de distorções e overdrives, delay, chorus, etc, como é o caso do amplificador para violão AC-40 da Joyo .

AC 20 12

 

Clique na imagem para maiores detalhes

Procure por garantia
Uma coisa muito importante na hora de comprar um amplificador de guitarra se certificar que ele possui garantia. Mesmo comprando produtos de marcas muito conceituadas, um amplificador está sujeito a eventuais defeitos de fabricação. Os custos de um amplificador de qualidade podem ser altos, e qualquer estrago pode gerar uma frustração enorme para você. Já pensou que dor de cabeça? A Joyo Brasil oferece 1 ano de garantia em seus amplificadores, podendo ser acionada caso o produto tenha sido adquirido em um de nossos distribuidores autorizados. Por isso, exija sempre a nota fiscal do produto e cobre a garantia que é por direito. Além disso, evite comprar produtos fora de lojas autorizadas.

Conheça o BantamP Zombie
Agora que você sabe os aspectos básicos de um amplificador de guitarra, que tal conhecer o amplificador de Guitarra BantamP Zombie?

JOYO ZOMBIE SIDE 1eeb84ee 8a3d 4d47 a0bf f5614ce2d334 grande

 

Clique na imagem para maiores detalhes

Um amplificador com dois canais, do tipo cabeçote híbrido de 20W. Procure um de nossos distribuidores autorizados, peça orientação e faça um bom som! Não se esqueça de pegar dicas  de guitarra e setup com o grande Maurício Alabama aqui neste canal para você ficar cada vez mais fera na guitarra!

Postagem relacionada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *