4 dicas para lidar com o medo de palco como guitarrista

74 / 100

Lembro-me que em meados de 1989, fazia uns 3 anos que tocava guitarra, fiz minha primeira apresentação em público com minha banda de Heavy Metal na escola em que estudava. Fomos convidados para fazer a abertura dos jogos internos da escola.  Na época tinha 13 anos de idade, uma guitarra Giannini stratocaster que meu Pai tinha comprado na saudosa Mesbla e um pedal de distorção que mais parecia um coral de abelhas…

Continue lendo para saber as 4 dicas para lidar com o medo de palco como guitarrista

Candelabro Caue Cury 300x200 1

 

Primeira banda do guitarrista Cauê Cury

Nos preparamos para essa tão esperada apresentação com muitos ensaios, estudava guitarra e o repertório da banda todos os dias, pesquisava como eu poderia tirar o melhor timbre possível dos meus equipamentos (por mais que fosse difícil) para que no dia do show não tivesse surpresas desagradáveis. Um dia antes da apresentação troquei as cordas da minha guitarra, chequei os cabos, coloquei meu único pedal de distorção e a fonte na mochila e fiquei aguardando o dia seguinte para subirmos no palco.

Chegando na escola fomos fazer uma passagem de som e comecei a sentir meus dedos duros, suando frio, com dificuldades técnicas para executar as passagens das músicas que eu tanto tinha estudado e estava confiante.

Cauê Cury

Comecei a ficar ansioso e triste com minha performance durante o show, sabia que eu poderia ter tido um melhor desempenho naquele dia. Após a apresentação, os amigos incentivando e comemorando o pós-show, no fundo eu sabia que poderia ter rendido bem mais com minha guitarra.

Com o passar dos anos pude perceber que o frio na barriga sempre está ali antes de uma apresentação em público. Então se você sofre de efeitos de ansiedade e medo de palco antes de se apresentar, saiba que não está sozinho. O nervosismo antes de se apresentar em público é natural, e com o preparo e estratégias corretas, é possível contornar ou pelo menos minimizar este problema.

1 – Foco e concentração

Uma tática que funcionou muito bem comigo é a concentração antes de iniciarmos uma performance. A importância de esvaziarmos nossa mente em relação a pensamentos que irão nos fazer desconcentrar e simplesmente pensarmos em música. Costumo dizer que o guitarrista é ansioso por natureza.

Quem nunca fez um bend e antecipou o vibrato antes da afinação correta da nota? Respiração, concentração e confiança caminham sempre ao lado de uma boa performance na guitarra, quando tocar em público. A comparação entre performance musical e arte marcial é bem interessante. São atividades físicas e mentais codificadas em diferentes estágios.

A música, ou melhor, a guitarra tem uma parte física e mental extremamente forte quando vamos mostrar nossa arte em público. Tinha um professor meu chamado Michel Perie, me ensinou muito sobre entendermos que a música começa em nossa cabeça e vem para os dedos.

As vezes esquecemos isso e deixamos a música apenas em nossos dedos. Isso é um grande perigo para que nossa mente trabalhe ao contrário dos nossos dedos e assim não tenhamos o resultado desejado. Para nós guitarristas a conexão mente e dedos representa 70% de uma boa performance.

Então uma boa rotina de sono, alimentação, prática de esportes, exercícios de respiração e até meditação são atividades que ajudam a liberar estresse, aumentar o seu foco e diminuir o estresse e ansiedade entes de uma apresentação. Passos que te ajudarão a perder o medo de palco, guitarrista.

2 – Equipamento de qualidade

Ter problemas técnicos com pedais, mal contato com cabos, ou não conseguir uma boa sonoridade de seu amplificador são coisas que podem surpreender o guitarrista durante sua performance, tirando a sua concentração e foco, o que pode gerar muito estresse e ansiedade.

Por isso, ter bons equipamentos, de marcas confiáveis e de qualidade é também essencial. Não é preciso gastar fortunas em seu setup, mas marcas que lhe ofereçam confiabilidade e garantias é sempre desejável.

Cauê Cury

 3 – Ensaiar e praticar antes de se apresentar

Uma das maiores causas de ansiedade de um guitarrista no palco é se sentir inseguro quanto à sua performance. A melhor forma de superar essa insegurança é praticar e ensaiar o máximo o possível. A prática do repertório no instrumento, bem como o processo de memorização musical prévia são de suma importância para te manter  mais seguro para uma apresentação.

Por isso, amplificadores portáteis como os BantamPs e o Top GT  da Joyo são ótimas ferramentas para que você tenha mais foco nos seus estudos, por terem bluetooth e entrada para fone de ouvido. Você consegue colocar backing tracks para estudar e chegar mais preparado nos seus shows, performances, até ensaios.

 

Ensaiar com a guitarra tocando de pé, imaginando ou “simulando” a situação de uma performance ou show é uma prática bastante útil. Isto vai fazer com que você perca o medo de palco, guitarrista.

Estudar e conhecer bem o repertório também é uma prática muito boa para se ter previamente a ensaios. isso ajuda a manter o ensaio com a banda produtivo e a manter um bom ambiente com os demais músicos.

Ensaiar as músicas “mentalmente” também é uma prática muito boa para memorização. Feche os olhos e imagine você tocando a música em detalhes, pensando nas suas partes, e revisando mentalmente as técnicas acordes e digitação usadas. Isso é um exercício muito bom para se familiarizar com repertório e mantê-lo mais seguro e confortável ao se apresentar.

4 – Mantenha uma atitude positiva

Quando nós guitarristas estamos sofrendo de ansiedade e medo de palco, entramos em uma espiral de pensamentos que nos torna obcecados pela nossa performance, o que nos torna ainda mais ansiosos.

Pode parecer difícil, mas manter uma atitude positiva ajuda muito. Erros durante a performance do guitarrista ocorrem, e muitas vezes um pequeno erro em uma nota (que pode parecer uma catástrofe enquanto estamos ansiosos),  passa desapercebido pela platéia. Nós guitarristas queremos sempre atingir a perfeição, e devemos sempre estudar e praticar buscando isso. Porém é necessário entender que nem os maiores guitarristas do mundo têm performances excelentes em 100% do tempo.

Quando for se apresentar, imagina que a platéia é composta por pessoas que estão ao seu lado, torcendo por você e para ver uma boa apresentação. Por mais que tenhamos que nos preparar para o “pior cenário”, também devemos nos preparar mentalmente para o “melhor cenário”, onde a platéia vai apenas curtir e aproveitar a sua apresentação!

Bom, é isso aí pessoal, a mente forte sempre irá contribuir para um bom show, ensaio, filmagem e estudos de guitarra. Um forte abraço a todos e muitos bends.

E aí, o que achou do texto? Conte pra gente a sua história nos comentários, estamos prontos para te ouvir.

Se ficar alguma dúvida fale conosco:

 

 

 

 

Contato

 

 

Garanta seu BantamP em nosso site:

 

 

Loja Joyo Brasil

Postagem relacionada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *